Serviços

Checklist para seu negócio - Coronavírus

Voltar

Checklist para seu negócio - Coronavírus

Conforme Decretos em vigor, os negócios de varejo e serviços podem atender ao público, com uma série de exigências. O não cumprimento das regras pode levar a multas de valores altos e o pior: o adoecimento por coronavírus.

Leia os decretos completos e mantenha-se sempre atualizado acompanhando nosso site aqui.

Disque Denúncias 24 horas em Garibaldi: (54) 3462 8258

Cumprir todas as regras é ser exemplo. É cuidar das pessoas, da sua equipe, da sua família e da nossa comunidade. Faça sua parte!

Neste momento de nos cuidarmos, conte conosco!

Checklist resumido para imprimir

Todos nós devemos:

• Utilizar máscara sempre que sair de casa (sujeito a multa em Garibaldi pelo descumprimento).

• Manter distanciamento social de no mínimo dois metros entre cada pessoa.

• Restrição da circulação e aglomerações ao máximo.

• Lavar as mãos diversas vezes ao dia.

Vamos revisar o checklist de prevenção ao coronavírus em seu negócio?

• Higienize, durante o período de funcionamento e no início das atividades, as superfícies de toque (corrimão de escadas rolantes e de acessos, maçanetas, portas, inclusive de elevadores, trinco das portas de acesso de pessoas, carrinhos etc), com álcool em gel 70% e/ou preparações similares.

• Mantenha à disposição na entrada do estabelecimento, nos corredores, balcões e mesas de atendimento, álcool em gel 70%, para clientes e funcionários, que deverão realizar a higienização das mãos ao acessarem e saírem do estabelecimento.

• Mantenha locais de circulação e áreas comuns com os sistemas de ar condicionados limpos (filtros e dutos).

• Mantenha janelas abertas para a renovação de ar.

• Mantenha disponível “kit” completo de higiene de mãos nos sanitários de clientes e de seus colaboradores: sabonete líquido, álcool em gel e toalhas de papel não reciclado.

• É obrigatório uso de máscaras aos colaboradores.

• É proibido o atendimento de pessoas que não estejam utilizando máscara, estando o proprietário do estabelecimento sujeito à aplicação das penalidades administrativas e criminais, independente da responsabilização individual do cliente ou frequentador. Coloque um cartaz em sua porta ou vitrine dizendo isso. Nós temos um modelo pronto para lhe fornecer.

• Adote sistemas de escalas, de revezamento de turnos e de alterações de jornadas, para reduzir fluxos, contatos e aglomerações de seus colaboradores. Se precisar de auxílio jurídico, conte conosco.

• Reduza o número de pessoas em espera na recepção e interior do negócio. Organize fila com espaçamentos demarcados na parte externa caso haja mais pessoas para atender. Distância mínima de 2 metros entre cada pessoa.

• Mantenha fixado, em local visível aos clientes e colaboradores, informações sanitárias sobre higienização e cuidados para a prevenção do COVID-19. (Temos modelo de cartaz para uso obrigatório de máscara, solicite-nos pelo WhatsApp 99662-2602).

• Mantenha fixado, em local visível aos clientes e colaboradores, indicação de teto de ocupação e de operação:

- Por teto de ocupação, temos o número máximo de funcionários e clientes no ambiente segundo o PPCI;

- Por teto operacional, temos o número máximo de funcionários no ambiente.

Essas regras estão explícitas nos protocolos do Estado, veja aqui.

Se você tiver dúvidas, consulte nossa equipe.

• Assegure atendimento preferencial e especial a idosos, hipertensos, diabéticos, gestantes, cardiopatas e pessoas portadoras de asma média e grave, garantindo um fluxo ágil de maneira que estas pessoas permaneçam o mínimo de tempo possível no interior do estabelecimento. Deixe esse horário visível em cartaz, na porta ou vitrine de seu negócio.

• Os locais destinados às refeições deverão ser utilizados com apenas 1/3 (um terço) da sua capacidade por uso. Não podem ser compartilhados utensílios.

• Sugerimos aferir, com medidor a laser, a temperatura corporal dos colaboradores e frequentadores, vedando a entrada e orientando a procura de serviço de saúde, daquele que apresentar temperatura acima de 37,8ºC, comunicando IMEDIATAMENTE, às autoridades de saúde locais. (Temos a lista de onde você pode comprar os equipamentos de proteção, clique aqui para acessar).

• Colaboradores com 60 anos ou mais, gestantes, bem como os que estejam realizando tratamento de saúde que cause diminuição da imunidade, transplantados e doentes crônicos, devem permanecer afastados de suas funções.

• O colaborador deve relatar à chefia imediata qualquer sintoma de gripe, tosse, falta de ar, febre ou mal estar, para imediata avaliação médica e afastamento das atividades junto à empresa.

• Caso haja ponto biométrico, com higienização após cada utilização.

• Em caso de necessidade de fazer serviços de rua, o colaborador deverá usar todas as proteções necessárias. No retorno, higienizar todas as embalagens dos produtos, descartar as sacolas plásticas e higienizar as superfícies onde as mesmas foram colocadas, bem como chaves e objetos utilizados na rua.

• Deixe claro em suas redes sociais quais os cuidados que seu negócio está tomando para evitar a propagação do vírus.

• Incentive seus clientes a fazerem compras ou demandas de serviços online, pedidos via telefone ou WhatsApp, indo pessoalmente ao seu negócio somente quando for necessário.

• Explique para seus funcionários a importância de cada item. Elabore um Termo de Ciência e entregue para assinarem. (Se precisar de ajuda com o Termo, solicite-nos pelo WhatsApp 99662-2602).

Para os lojistas:

• Produtos adquiridos pelos clientes devem ser limpos previamente à entrega ao consumidor.

• Higienize todos os produtos expostos em vitrine de forma frequente. 

• Higienize as máquinas para pagamento com cartão após cada uso.


O Governo do Estado flexibilizou o uso de provadores, por meio da Portaria SES Número 376/2020, com as seguintes regras:

a) higienizar os provadores com álcool 70% ou outro desinfetante indicado para este fim após cada uso e, caso dotado de cortina, realizar a higienização com vapor e aguardar secagem para novo uso;   

b) realizar o controle de acesso aos provadores, a fim de evitar aglomerações e assegurar o distanciamento mínimo entre as pessoas e o tempo necessário à higienização; 

c) disponibilizar álcool-gel 70% ou preparações antissépticas ou sanitizantes de efeito similar para higienização das mãos ao ingressar e sair dos provadores; 

d) orientar os clientes a permanecer com a máscara durante a prova de roupas e acessórios; 

e) proibir a prova de peças que entrem em contato com o rosto durante a prova, como camisetas e blusas; 

f) higienizar as roupas após a prova ou a devolução pelo cliente, nos casos de retirada do estabelecimento para provar em casa, através de meio eficaz, como a utilização de passadeira a vapor, dispositivo de higienização ultravioleta ou assegurar período mínimo de aeração de 48 a 72 horas; 

g) colocar cartazes nos provadores orientando acerca da necessidade de permanência do uso da máscara, higienização das mãos e distanciamento entre as pessoas;

h) orientar os clientes a higienizar as mãos antes e depois da prova de calçados e, após, mantê-los em local arejado, sem devolver imediatamente à caixa.

Ficou com dúvidas?

Entre em contato

Atendimento geral

Fale conosco

Nossos contatos

Saiba tudo o que podemos fazer por você e sua empresa. Qualquer dúvida ou sugestão, entre em contato!

Endereço: Rua Heitor Mazzini, 122, sala 02 - Edifício Sonata - Centro - Garibaldi/RS

Telefone: (54) 3462.2755

whatsapp: (54) 99662.2602

E-mail: coordenacao@apeme.com.br